sexta-feira, 30 de maio de 2008

A floração do meu cacto "mamilária"


Não podia deixar de partilhar esta beleza efémera (poucos dias) com os amigos e frequentadores da blogosfera

Depois de muitos dias na esperança, duma linda floração.





Finalmente aconteceu.


Até parece que mil sóis nasceram no meu jardim nestes cinzentos dias de Maio.


Um Bom Fim de Semana a todos os amigos, amigas e visitantes.



O Provérbio: "A beleza será sempre rainha."

8 comentários:

Carminda Pinho disse...

Que bonita sequência de fotografias.
A flor deste cacto é linda e, reparando nas datas e hora verifico que as flores fecham ao entardecer para abrirem pel manhã.
Muito bonito.
Obrigado pela partilha.
Bom fim de semana, também.
Um Abraço

xistosa disse...

Andei quase dois anos à espera duma casa, na zona onde moro ...
Um dia apareceu e comprei-a.
Tinha e continua a ter imensos cactos.
Sempre gostei destas plantas.
Todos dão flores, umas mais bonitas que outras, mas tenho um cacto, quase que chega ao 1º andar, que começa a florir em Julho e vai até Setembro.
Dá flores lindíssimas, mas só abrem de noite.
De manhã fecham e morrem ...
São muito parecidas, depois de abertas, com as que postou. Talvez maiores dado o porte enorme do cacto.
Até dá gosto ter plantas assim ...
São as pequenas recolhas dos grandes trabalhos que se passam para cuidar dum jardim.

Um bom fim de semana e não se pique!!!

(não tenho aparecido, porque tive problemas com o novo antivírus. Não gostou de mim ... mas já o eduquei!)

Cláudia disse...

Olá, Carlos. Muito lindas as fotos assim como estes cactos mamilárias que não conhecia. Desta vez não participei do SWF, meu computador teve um probleminha...mas cá estou. Adorei as fotos do parque temático. Espero que vá pra frente toda esta luta da proposta, pois é valiosa! Lindos os ninhos, os fósseis...

bjs

Vieira Calado disse...

Eu também sou dos que apreciam muito a beleza efémera de certas flores.
As suas fotos são óptimas.
Quanto às regras trânsito no Sistema Solar é (quase) como diz.

A distância a que os corpos se encontram é tão grande, que raramente há um acidente.
De resto, os corpos (quase todos) têm o seu lugar, desde há muitos milhões de anos.
Tudo está estabilizado, se falarmos do tempo da nossa vida, História da Humanidade, ou mesmo do tempo da existência do Homem.
Acidentes graves só acontecem de muitos em muitos milhões de anos.
Um abraço.

Rato disse...

carlos rebola, é realmente um espectáculo digno de ser visto.Do qual tu és o feliz proprietário. Obrigado por teres partilhado connosco este momento.

Júlia Galego disse...

Carlos
Que maravilha de flores!
Também tenho alguns cactos, mas não dão flor. Não sei se é mesmo assim, se é defeito do tratamento.
No meu jardim as maiores alegrias são-me dadas pelas sardinheiras. Têm flor durante todo o ano.
Bj

Anónimo disse...

quero fazer um canteiro com Quartzito canjiquinha na minha casa e amaria ter um cacto igual a este.

Quartzito revestimento disse...

nao sou anonimo esqueci de colocar meu site www.smarta.com.br