segunda-feira, 24 de março de 2008

Sobreiro, Quercus suber, só e condenado

No novo recinto da feira de Cantanhede (a dos seis e vinte de cada mês) existe uma única árvore um sobreiro, quercus suber, jovem de bonita e bem formada copa.
Até parece, que ele ali está (salvo) por força da lei que a CMC deve cumprir e aqui cumpriu, este sobreiro é a prova de que não foi abatido.
O sobreiro está só naquele deserto escuro e pavimentado, mas se olharmos para o seu tronco junto da superfície vemos o que a segunda foto mostra...


Alguém que diga em que regulamento florestal, manual de silvicultura este procedimento está indicado. Pela força da lei foi preservado, mas pela incúria de alguém foi de seguida condenado, colocaram-lhe um garrote de impermeável alcatrão e bem apertado. Quem salvou o sobreiro como o vai regar e fertilizar, isto é tratar bem a árvore como mandam todas a regras? As da agricultura e silvicultura biológica por ventura, recomendam isto?...


Os serviços técnicos da CMC podem, "sem grandes custos financeiros", salvar este sobreiro e até arranjarem-lhe companhia…
O que se vê não devia acontecer nunca... naquele local.
Senhores técnicos agrários e silvicultores da CMC vejam se é possível fazer alguma coisinha para bem deste sobreiro que parece precisar de ajuda...
Há exemplos que ficam mal a quem os dá...

O provérbio: - "As árvores morrem de pé."

2 comentários:

LUIZ SANTILLI JR. disse...

Carlos

Meu blog cresceu depois que encontrei um grupo de amigos blogueiros de Portugal!
Quando ai estive em outubro do ano ássado ainda não blogava internacionalmente!
Foi uma pena!
Quem sabe poderemos nos visitar.
meu link é BOA LEITURA.

Se for de seu agrado, podemos nos linkar!

Abraço de Luiz
São Paulo - Brasil

LUIZ SANTILLI JR. disse...

Já estás linkado também!

Agora é só nos visitarmos sempre!

Foi um enorme prazer conhecê-lo. Carlos!!

Abraço

Luiz