sábado, 21 de março de 2009

Gatos que vivem na casa

Estes são o Jaleko e a Mimi, ele atento à conversa, prestes a afirmar o seu sim de macho, ela enfastiada com a mesma conversa, boceja.

Ela é uma senhora, ele é um tolo. Os dois vivem em nossa casa.

E porque hoje é o dia da poesia:


Gato que brincas na rua

Como se fosse na cama,

Invejo a sorte que é tua

Porque nem sorte se chama.


Bom servo das leis fatais

Que regem pedras e gentes,

Que tens instintos gerais

E sentes só o que sentes.


És feliz porque és assim,

Todo o nada que és é teu.

Eu vejo-me e estou sem mim,

Conheço-me e não sou eu.


(Fernando Pessoa)


Esta foi a figura em que ficou o Jaleko, quando quis mostrar as suas habilidades à Mimi e subiu pelo interior da chaminé da lareira. O seu orgulho enfarruscado desapareceu no momento em que pediu ajuda para ser salvo de nariz esmurrado.
O Provérbio: - "Companhia de dois, companhia de bons"

8 comentários:

xistosa - (josé torres) disse...

Caríssimo carlos rebola

O Fernando pessoa tinha muita razão.
O gato "não conhece".
"Todo o nada que és é teu"
Só em casos de velhice e extremos é que nos "passam cartão"
Estou a falar um pouco de cor, porque nunca tive gatos.
Mas tinha amigos que por vezes passavam dias sem saberem deles ... ou apareciam feridos ou com fome.
São independentes ...

Uma familiar, tinha um siamês, que trepava pelas cortinas e aos móveis, partindo tudo.

Se fosse meu, ensinava-o a voar ...

Até os gatos tiveram direito a uma homenagem ... mesmo que não saibam ler ...

São pequenas coisas que nos retratam ...

Um bom domingo.

Mariazita disse...

Meu caro Carlos
Eu adoro animais. A minha preferência vai para os cães (tenho um caniche que faz agora 9 anos, e sempre tive cães, em toda a minha vida), mas também gosto de gatos, e na minha família há...bem uma dúzia deles, espalhados por minhas irmãs e filha.
Estes teus Jaleco e Mimi são muito bonitos (uma das minhas irmãs também tem uma Mimi...), e nesta foto estão muito expressivos. A legenda está bem de acordo com as carinhas deles.

O poema com que homenageaste o Dia da Poesia...bom, é Fernando Pessoa, o que se há-de dizer???

Um bom domingo.

Beijinhos
Mariazita

BOTINHAS disse...

Amigão
Infelizmente não disponho de muito tempo para visitar os amigos...
Tenho pena, gostava de vir até todos os dias (que exagero!!!), mas a minha vida profissional deixa-me pouca disponibilidade.
Hoje consegui meter uma folgazita, e aproveito para dar 1 espretadela, rápida - uma rapidinha :))), tásse memo a ver...

Gostei muito dos meus "primos"! São giros que se fartam. O do fundo, que é o mesmo, mas farruscado, tá 1 espectáculo!

Aparece. Há post novo.

Abraço fraterno
Botinhas

Carla disse...

são lindos...parabéns aos dois
beijos

fotógrafa disse...

LINDOS!!!


A serenidade e a alegria
são a luz e o sol
iluminando a vida
fazendo prosperar o que tocam.

Bom fds

abraço

MENSAGENS AO VENTO disse...

_______________________________

O poema é uma graça!

Seus gatos são LINDOS!!!

Também tenho uma gatinha...

Beijos de luz e o meu carinho!

__________________________________

Táxi Pluvioso disse...

No entanto, os gatos, tal como os humanos têm vida de cão. bfds

Mariazita disse...

Sem nada de novo para comentar...deixo um abraço e votos de bom fim de semana.

Beijinhos
Mariazita